quarta-feira, setembro 07, 2005

Telemovelmania



Estou estupefacto! … Se é que ainda se pode dizer isso!
Naturalmente que estou estupefacto; basta olhar à minha volta. Provavelmente a noticia seria se eu dissesse que não estou estupefacto. Adiante.
Nós somos dez milhões. Nós Portugueses claro, falo de todos nós. Não é que existem no nosso país à beira-mar plantado 10,7 milhões de assinaturas de telemóveis e afins e que a percentagem aumentou de um ano para o outro, qualquer coisa como 8,8%?
O que me faz espécie ou confusão, como queiram, é que há 10 milhões de portugueses mas nem todos trabalham, nem todos são de maior idade e há muitos de tenra idade. Se por aqui ainda reinar algum bom senso (do que já começo a duvidar), haverá para ai 5 milhões de portugueses ou 6 milhões de portugueses que devem falar ao telefone que se fartam! Com medo que se gastem cada um de nós tem dois ou três!
Afinal onde anda a crise se pensarmos que um telemóvel -, falo do mais baratinho - custa cerca de 50€ que vezes os tais 10,7 milhões dá uma quantia de 535 milhões de euros, se cada um fizer uma chamada por dia a 10 cêntimos dá por dia 1 milhão e picos de euros. Ora isto vezes 31 dias dá 33 milhões e 700 euros, o que dá mesmo muito dinheiro gasto só para dar à língua.
Não entendo porque é que há gente que anda com vários telemóveis. Realmente faz-me confusão. Por ser mais barato? Pois para rentabilizar esse investimento são precisos geralmente 3 anos, mas isso sou eu aqui a falar que ninguém me ouve.
Outra coisa que também me faz muita confusão é os miúdos com 6 e 7 aninhos de telemóvel em riste! Estou a ver-me a ter de dar satisfações ao meu filho de 6 anos onde estou onde ando e o que faço. Porque não estou a ver nenhum miúdo a dizer aos pais que esta a fazer asneiras ou que faltou às aulas ou coisa do género só porque tem um telemóvel.

Será uma das maiores pragas em Portugal? - Depois dos sucessivos governos a pedirem-nos contenção, imaginem que os telemóveis funcionavam a gasolina e que o governo metia ao bolso, 80% de imposto sobre os combustíveis, mais 21% de Iva… era melhor que a taluda do Natal -.
Ainda bem que esta fobia de falar e de comunicar só apareceu agora, imaginem na altura dos pombos-correios! O sol ia-se só com a quantidade de pombos a esvoaçar por aí! Lá se ia o nosso cantinho à beira-mar plantado. Pelo menos este belo Sol.

Apeteceu-me


"Não é preciso falar muito para que alguém nos ouça" Charles de la Folie

32 comentários:

Janinha disse...

Adorei a ultima frase... e por isso "roubei-a" para mim ;)

Eu gosto muito de tlms mas nem por isso gosto de andar com 2 ou 3 atras como muita gente tem. Concordo ctg em tudo o q disseste. Eu tenho um e acho-o indispensavel, e acredita que o uso apenas para o indispensavel. á lá vai os tempos que mandava milhentas sms e ficava horas ao tlm! ;) **

chaka disse...

lol gostei mt da parte dos pombos.
tnh k admitir k é uma imagem um pouco assustadora, essa..

mas concordo com o k disseste acerca dos tlm. sao uma praga. (olha pa mim a falar, qnd tmb ando smp com o meu atras..)

nao me apetece dzr nda...
nem sei o k tou a dzr.

bjinho*

Lady Heather disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Lady Heather disse...

Não há-de estar longe o dia em que Portugal seja o país com mais telemóveis no mundo. Ele é crianças, idosos que não percebem nada de telemóveis, é donas de casa, predeiros e trolhas. Toda a gente têm um telemóvel, podem estar dois ou três dias sem comer mas o telemóvel, isso já nínguem passa sem ele...

alfinete de peito disse...

Oh Carlos, tu não dês ideias aos tipos do governo ;)

Grande Abraço, Mercador e Grizo

Clara Sonhadora disse...

Escreves bem, mas já te tinha dito, acho... Se não disse, pensei.
Adorei a parte dos pombos!

Isabel-F. disse...

Oi Carlos...

Muito bem exposto... como sempre... dá prazer ler-te...

realmente dá que pensar...

Bjs

mónica disse...

tenho 15 anos e 3 telemoveis pra fotos, sms, tocs, coleccionar números, já tens o do... como é q conseguiste, desligar nas aulas que seca olha o q se perde em 50min, chato q a minha mãe tá sempre a melgar, ontem recebi uma foto do gajo mais lindo, ui, ui. acorda! bloga!

Eric Blair disse...

Estas pessegadas sonoras são absolutamente brilhantes. Só tenho pena de não as ter descoberto mais cedo.
É possível ter acesso a sons passados?

kikas disse...

É praga e neste preciso momento em que estou a escrever o meu comentário o telémovel começou a tocar :-(
beijocas
kikas

pachita disse...

Tenho tlm mas não sou viciada. Faço pouquíssimos telefonemas e são sempre rápidos. Mantenho-o ligado só para estar contactável. Nisso sei que não me hei-de viciar porque não gosto muito de falar ao telefone.

Agora se falarem em blogs, net, etc....ai, isso aí até seria internada...hehehe

Belo post, Carlos, para variar.

Beijinhos

Inha disse...

Bota PRAGA nisso! E tocam em qualquer lado, até nos funerais. Perdeu-se completamente a lucidez.
Quanto à do pombo correio é do best.À quantidade de cagadelas que soltavam, acredito só o utilizassem num caso de extrema necessidade.

Isabel (akombi) disse...

olá

obrigada pela visita ao meu blog (estou a melhorar da dor do dente, mas tenho que me deçidir e ir arranca-lo)

pois é pareçe que sou diferente, é que não tenho nem nunca tive telemóvel, nem sei mexer num.
O meu marido tem por questões de trabalho e qd toca nem sei atender.

Nunca senti necessidade de ter um, ter só para mostar ao vizinho.....não sou assim. Se um dia sentir necessidade talvez compre um, mas por agora não necessito.

Quanto ao post, já me interroguei sobre isso, e faz-me muita confusão ver miudos de 6 anos com telemóveis, por acaso a minha filha mais velha vai este ano para a escola, e tenho amigos comums em que os filhos tb vão, já ofereçeram um telemóvel aos filhos para irem para a escola. Dizem que nunca se sabe se vai ser preciso, por influênçia a minha filha pede um, mas não lhe vamos fazer a vontade tem tempo.

Sara MM disse...

Pois eu sou ANTI, completamente...
E nao compreendo esses excepssos parvos!

Mas já tenho um :o(
Felizmente que... "só faz o básico!!!"
Estúpidos! E para que o quero eu senao p fazer e receber chamadas -o "básico" ?!?!??!?!?
Brrrr
BJs

SusanaV disse...

Poiis.. concordo apesar de nao me separar do meu.. sou telemoveldependente... se calhar o facto de trabalhar numa operadora de telecomunicações tambem ajuda..
mas se em Portugal tivesses de pagar o tempo de antena como no Canada por exemplo... não haveria ordenados que chegassem para as contas do telemovel! :)
Minutos de conversação + tempo de antena... bom.. e se calhar o "tuga" continuaria alegremente a gastar quase metade do seu salario no seu telemovel 3G que tira cafes e tem vista para o mar.

bjoquinhas

JoanicaPuff! disse...

Um destes dias vi um Sr Agente da PSP, a conduzir a sua motita, sem capacete e a falar ao telemovel!
Acham normal?!?
Istó é pessegos,é bananas, esta Republica é um Pomar!
;)

mónica disse...

gostei da republica pomar e não é que é mesmo ali virada pó mar :-)

Carmem L Vilanova disse...

Nao há dúvida de que é uma maniazinha bem inconveniente... eu ainda estou livre dela, mas também nao sei até quando...
Um lindo fim de semana para ti!

Betty Branco Martins disse...

Olá Carlos

Aqui de volta!

Esta mania dos tlms é de facto um bocado enervante, temos que admitir! mas que dá muito jeito às vezes, dá!

Beijo grande

Anónimo disse...

Telemolvelmania??? faz favor tirar o l, sim ...

O Micróbio disse...

Espera só um bocadinho... tenho um dos meus 3 telemóveis a tocar... :-)

António disse...

Obrigado por teres comentado no meu blog.
E pelas palavras finais que escreveste.
Sabe sempre bem receber elogios.
(uma rectificação: parte da acção decorre no rio Kuando e não no Kuanza)
Abraço

Já agora:
Definitivamente não sou um telemóvel dependente...felizmente!

pisconight disse...

A pergunta é como é que antigamente se vivia sem telemóvel?

lol

:)

Claudia Perotti disse...

Olá menino,

Linkei-te na minha página ... Assim posso te ler sempre.

Bom final de semana!

Beijos

Anónimo disse...

hjklkl

Passaro Azul disse...

Olá Carlos,
obrigado pelas tuas palavras no meu blog.
Sou nova nestas andanças e, como calculas, é um incentivo ter um novo comentário e...sobretudo, com a leveza do teu. Adorei.
Já te linkei para te passar a visitar também.
Gostei do que li. São fantásticos os teus textos.
Até sempre,
Um abraço

Paula Raposo disse...

Se não fosse o teu comentário no raposinhadalinha, não saberia do teu blog! Acima de tudo a escrita...falar é mais para os outros. Obrigada pela tua visita, pelas palavras que me deixaste, e obrigada por me teres dado oportunidade a retribuir-te a visita. Beijinhos

heidy disse...

pisconight nem mais! eu tenho um que foi comprado contra minha vontade visto que me fanaram o que comprei por amor. :( E sou daquelas em que faz chamadas através de um tarifário que já não existe há uns 4 anos... eh eh eh (das ultimas resistentes). Mas não sou dependente! Assumo que é uma forma mais fácil de falar com amigos e em questões de trabalho é muito rentável... mas acho que já passou a fase da novidade.

Pedra Rolante disse...

Ah ah ah!! Boa essa dos pombos!

Adryka disse...

Carlos meu querido amigo, realmente as pessoas exageram nos telemóveis eu n/ posso falar muito porque também uso 3, mas acredita nenhum comprado por mim, todos eles foram oferecidos, e também acredita que só uso um embora os outros estajam em pleno funcionamento.È uma modernice acredito em ti sei que tens muita razão.
Beijos

Eclipse disse...

Muito bem exposto. E há coisas que nos deixam a pensar, mas sinceramente ja nem lembro como vivia antes sem telémovel?

Serei telemovel-o-dependente?...

...Abraço

Raquel V. disse...

O certo é que os pais pensam: e se sucede alguma coisa e eu não lhe dei o telemóvel e ele não me pode avisar, e, e, e...