quarta-feira, junho 15, 2005

LOUCURA IV

Loucura IV


(...) Pois não fosse o ronco ele bem poderia estar morto, mas que lhe podia dar uma coisinha má podia, mas também faz-me confusão esta maldade na minha cabeça, bastava mandá-lo à mãe, era muito mais fácil, ele não faz népia a uma porrada de tempo, se ainda tivesse filhos, agora um gajo que vive à minha conta, só quer é sofá?
Ora que porra aqui o sofá paga-se, ou não fosse o melhor e grande apetrecho dos psiquiatras, lá por ser casado comigo ou amancebado comigo, devia de pagar, quanto mais não fosse em géneros, mas o estúpido nem isso ela anda muito acomodado mesmo.
Mas dar-lhe uma coisinha ruim não é suficiente, porque assim não dava para eu retirar prazer nisso, acho que ele têm de sofrer ás minhas mãos, ter assim uma paralisia, parcial, ia dizer cerebral, mas o coitado já não pensa grande coisa.
Eu penso é que um dia destes estou no sofá não tarda, bom espero que seja mais rápido do que se possa pensar, acho mesmo que 5 minutos depois daquela carta chegar ás mãos do Vasco, rebenta ai uma excursão, de gente... bom mas o Vasco têm a primazia.
Só de pensar naquilo que eu e o miúdo já fizemos, mas apetece-me pensar numa boa maldade para o energumeno, tenho tempo para pensar no Vasco e no Pilitas, e quem sabe no Cão Guru, pois quem sabe!?
Deixa cá ver um bom castigo, hipnotisa-lo, e mete-lo por ai com alguém a filmá-lo, todo nú, bom todo nú era uma maldade demasiado grande para as pessoas e não para ele, mas imagino que ele por ai a fazer de galinha tinha alguma piada, as galinhas até que são os animais mais porcos que conheço, deveria ter alguma graça.
Não esta, não me parece, mas dar-lhe por exemplo uns soporíferos, levá-lo para o cimo de alguma coisa, por exemplo de uma torre da igreja, e meter-lhe a cabeça dentro de um sino, e fazer com que aquilo tocasse umas duzentas vezes era capaz de ter graça, muita graça mesmo, imagino que saísse dali com a cabeça a vibrar, a cabeça e outra coisas, uiiiii até que não seria mal pensado, aquela vibração toda mete-me em ponto de rebuçado e como a cabeça dele esta toda atrofiada, nunca se lembraria do comboio que lhe tinha passado por cima, ando com uma vontade, que até atrofio.
Podia pensar noutra coisa, cortar-lhe o pirilau e deitar-lho aos porcos com ele a ver os porcos come-lo, ui até a mim me arrepia, mesmo ele merecer esta maldade, tenho de pensar que um dia pode ser o único homem a face da terra e eu já não conseguir manipular os meus apetrechos, por isso é melhor não!? Fica como reserva, das reservas, das reservas....
Mas quanto mais me tentava concentrar numa maldade mais me lembrava de coisas parvas, estava-me a lembrar de um paciente meu, porque será um paciente? Eles pagam e ainda têm de ser pacientes? Que parvoíce, mas estava a pensar num cliente meu, que têm o trauma do Peter pan, e estava a lembrar ou a pensar como o Capitão Gancho teria morrido, acho que foi mesmo a coçar os tomates, desculpem lá este foi o momento Zen, de coisa alguma, é a erva a subir-me a cabeça, a erva do Pilitas é mesmo boa.
Estava a começar a sentir um enorme balanço para o meu dia, e que dia, acho que ia ser fantástico, pouco passam das 9 horas da matina e eu estou com uma velocidade que até me apetece gritar. Não fosse tão cedo e que até ia um Gin tónico, se ia, com uma bela rodela de limão, uma quantas, pedras de gelo e pimba. Espera lá por falar em Gin, se o energúmeno fosse de tomar banho, atirava-lhe para lá o secador que até os cabelos do rabo batiam palmas, mas isso ai, estorricava-lhe, e dai talvez não com aquele sebo todo é capaz de estar protegido por alguma coisa, quem sabe, quem sabe, mas que era bonito de se ver era, com os cabelos todos em pé cheio de electricidade estática, imagino os pintelhos tipo clips de arame abertos todos espetado, hahahahah.
Não sei como aquele gajo ainda dorme com o xinfrim que tenho feito por aqui, mas a besta é mesmo assim, todo o santo dia assim sai da cama vai para o sofá, deve ser para descansar de ter dormido tanto, só pode, este só pode é mesmo sem PH, porque ele, nem digo, nem digo.


Apeteceu-me


"O nosso sorriso é o culpado de muitas más disposições"
Charles de la Folie

53 comentários:

tovarisch Brezjniev disse...

e a loucura do frango?

lazuli disse...

gosto desta rádio, e dos seus pêssegos.
Um beijo*

sininho disse...

Porque eu gostei*

Bárbara Vale-Frias disse...

Gosto muito dos teus textos e este não foi excepção.

As frases com que nos presenteias no final de cada post também são sempre interessantes. Esta, por exemplo, «O nosso sorriso é o culpado de muitas más disposições», é mais verdadeira e profunda do que, à partida, se possa pensar.

Bjs!

Mitsou disse...

Olha nem sei se te diga se te conte. Primeiro a rádio :) Só depois é que comecei a ler o texto. Concentrada, pois! Mas a rir. E de que maneira. Boa, Carlos, soube mesmo bem neste domingo cinzento :)) Beijocas!

Jade disse...

Eu fixei-me nesta frase: "O nosso sorriso é o culpado de muitas más disposições"... e não pude deixar de sorrir!:)

Chegar aqui e ouvir esta rádio foi uma boa surpresa... vou voltar com toda a certeza!

Bom resto de fim de semana*

bertus disse...

Carta aberta ao Presidente da República dos Pêssegos:

Exmº. Sr. Presidente:

Tem V. Exª. feito nos últimos tempos, uma descarada e ouso mesmo acrescentar, anti-democrática, propaganda eleitoralista dessa República frutífera, fazendo letra morta das leis que regem acções deste teor e, como não podia deixar de se fazer sentir, diminuindo, ou em alguns casos fazendo extinguir a voz de outras Repúblicas e Monarquias.
Estão neste caso, a República Popular dos Ananazes, a República Democrática das Peras Cervadas e os Estados Unidos dos Melões do Sul para citar os mais importantes no concerto das nações com fruta.
Estes, e mais paises, estão reunidos desde ontem na cidade do Fogueteiro, para em tempo oportuno, responder com as formas de luta que melhor entenderem, à escalada expansionista dessa República a que V.Exª. preside.

NEM MAIS UMA BANANA PRÁ REPÚBLICA DOS PÊSSEGOS!!

FRUTA VERDE CÁ PRA FORA, JÁ!!

A. Duarte e Lázaro disse...

Ahahahahahahah!!!
cada vez me rio mais com esta psiquiatra!
Mas a psiquiatra precisa de um psiquiatra: então tem um homem em casa que nem trabalha nem... nem... pronto...nem nada!

BlueShell disse...

Carlitos?...todo nú???
Meter a cabeça num sino???
credo...

Um beijo acompanhado de um sorriso,
Bshell

Å®t_Øf_£övë disse...

Carlos,

Bem hoje estás mesmo mau,e estás cá com umas ideias.....
Coitadinho de quem hoje te aparecer pela frente....
eheheheheh
Deixa-me fugir antes que sobre ou te vires para mim.
Boa semana.
Abraço.

Kabum disse...

Bom texto...

LolaViola disse...

Olá.
1. Obrigada pela tua visita ao meu Live JOurnal
2. Como foste lá parar? Todos os meus blogues do bloguer estão inactivos...Até parece que alguém os meteu dentro da banheira e atirou o secador lá para dentro.
3. Gostei dessa, se bem que atirar o pirilau do gajo aos porcos também não está mal pensada.. já se viu, mas é sempre uma ideia inovadora.
3. O teu texto é delirante de humor. Ainda não tive tempo de ler os outros, mas já lá iremos.
4. Não costumo ligar as colunas do meu PC. Os bloguistas que não levem a mal.. mas prefiro a minha música. mas qd li por aqui que tinhas um programa de rádio.. não resisti. Xa lá ver o que este gajo ouve. Madness. Good. Estamos a conversar.
5. Perdi-me na ordem de trabalhos.
6. Ahhh. Já sei. Vivi o meu primeiro amor na costa da caparica, o que faz da tua terra um paraíso romântico. Ou seja.. deitando abaixo todas as construções que aí se fizeram nos últimos 20 anos, a praia fica linda.
7. Um beijo
8. Um sorriso
9. Outros assuntos

Lolaviola disse...

10. Vou por nos favoritos. Ponho na coluna da esquerda ou na direita?

Anjo Caído disse...

gostei! :)

augustoM disse...

Embora à primeira vista não pareça, deve ter uma grande ternura pelo animal.
Um abraço. Augusto

Eva Lima disse...

Gostei. Meter a cabeça dele num sino...é de mulher!
beijinho

Caiê disse...

Charles de La Folie:

os pensamentos a que ela se dedoica enquanto ele preguiçosamente se estira e ressona no sofá... ou na cama... fazem-me pensar em duas coisas:
1) a força do comodismo humano;
2) quem verdadeiramente nesta relação se anda a servir de quem?

terei uma resposta num txto em breve, em pensamentos (mais ou menos) desconexos?

Abraços e marradinhas da Gata Preta!

rdart disse...

"O nosso sorriso é o culpado de muitas más disposições"

e isto? é óbvio? :))))
adieu.

segundavida disse...

Grandes maldades!!!!!Então aquela de "cortar-lhe o pirilau e deitar-lho aos porcos" é demais. Boa escrita. Um abraço.

Duke disse...

Gostei imenso do seu blog. Já faz parte dos meus links e das vistas diárias. Uma forte abraço urbano.

Rogue disse...

Carlos

Estes episodios estão a tornar-se cada vez mais interessantes, fico à espera da Loucura V.
Parabens

sylpha disse...

Ahahahahahahah deliciei-me com este texto...peço desculpa, mas fez-me rir mesmo. Fantástico!! Beijinho

Adryka disse...

Adorei o teu texto é fantástico, recrias-te bem a imagem. Parabens.
beijoca

JMTeles da Silva disse...

No meus tempos os pelos do cú batiam era palmas de contentes...
Está tudo às avessas! Abraços

Iluvatar disse...

Caro amigo Carlos, fantástico texto, fartei-me de rir, hilariante a história, a ironia, o sarcasmo!, genial, mesmo, um bom começo de dia, eheh

a disse...

excelente! a imaginação louca de uma mulher "explorada" não tem limites...

Marcello disse...

ai carlos vlw por passa no meu blog
ai essa parrada aqui e mto louka...

Micas disse...

Mas afinal de quem é o problema, de quem dorme ou de quem deixa dormir??? gostei deste texto como já é habitual, mas ainda gostei mais do pensamento; "O nosso sorriso é o culpado de muitas más disposições"... ai é, é!!! ;))

Morsa disse...

Eu é que tou a ficar louco com os meus exames... Desculpa não ter aparecido por cá, mas o tempo não abunda!
Um abraço

O Micróbio disse...

A saga da loucura não tem fim... e ainda bem!

Malae disse...

Olá, Carlos! Que bem soube rir-me nesta visita à República dos Pêssegos. Ese sorriso não provocou más disposições! E esta rádio... magnifica ideia! Voltar é sempre um prazer. loraik di'ak. Malae*********************

aprendiz disse...

=) Gosto muito das tuas boas vindas..!
Esta républica dá para rir...
A propósito, obrg pla visita!!

tovarisch Brezjniev disse...

Não há dúvida que a tua psiquiatra deve ser a irmã da minha. Será aquela coisa do gene 32?

mfc disse...

Senti-me ao lado do divã a ouvir o paciente... ou será que sou eu o paciente e penso também assim por vezes??!

Maria Heli disse...

Mais uma vez gostei.

Raquel V. disse...

Ia ficando era louca eu a ler os devaneios artísticos da loucura...

Cliente.... hehehhe é o que eu chamo aos pacientes de quem os tem... pq sinceramente acho que é mm isso que são!

pandora disse...

adorei a intodução à tua música, e a música tb :))

gostei das loucuras... obrigada pela tua visita e tb por me dares a conhecer o teu espaço. vou voltar com sua licença!

Tribunal_Beatas disse...

Confesso que num primeiro moemto fiquei sem perceber de onde vinha a voz. Mas passados três segunditos (mais coisa menos coisa) apercebi-me finalmente que era comigo que a voz se estava a meter :)
A música vem mesmo a calhar... está dentro do contexto. Bem pensado sim senhor!
Bom fim de semana

Anónimo disse...

Pois ... depois eu é que sou maluca, tudo bem...

Viuva Negra disse...

o comentario acima é meu

A. Duarte e Lázaro disse...

Lol. parece que andas aqui de um lado da casa para o outro... deixei-te uma pergunta no meu blog. Mulher é curiosa....vixxxxx...

Chocolover disse...

Olá! Li, gostei e vou voltar ...

uivomania disse...

Já ontem tinha deixado um comentário que entretanto se evaporou!... Será que foi por ter sugerido para acordares de vez o homem para ver do que ele será capaz?!

anonymous_person disse...

tantos pêssegos.

Tovarich Gina disse...

1 carneirinho, 2 carneirinhos, 3 carneirinhos... 1 pêssego, 2 pêssegos, 3 pêssegos... 1a psiquiatra louca, 2 psiquiatras loucas... e o sono q não vem... louca estou a ficar eu... causas? várias.

aflores disse...

...e que loucuras;) Há mais? vou voltar para "descobrir". Agradeço e retribuo visita ás minhas loucuras:)

contadordehistorias disse...

O sofá faz-se dos desvarios e não dos descansos de quem lá passa...

abraço

Luísa disse...

Oh deixa-me já dizer que achei o teu blog uma bela pessegada! =D hihihi

Obrigada por teres passado pelo meu são sorrisos são sorrisos e pronto não deixam de ser sorrisos para alguém e lágrimas para outros... a Vida é assim...

=)

Gostei da homenagem a Álvaro Cunhal que foi um grande Sr. e ao Eugénio de Andrade que foi um grande poeta!

bjinhos e volta ao meu blog pk seras bem recebido!

*

Anónimo disse...

É óbvio que o dito ainda dorme. E aposto que tem a dita penugem electrificada. Achas que produzem luz? Terás de verificar....hihihihi

zezinho disse...

Fónix...fui eu, mas esta coisa não funcionou

indie girl disse...

pois ixo de pensar em maldades é k nao kalha nada bem......psiquiatria vou dar em setembro e depois vou dar te umas sessões de psiquiatria..bj

Prof. Teresa disse...

vim agradecer a visita ao Blogica_mente... não tive tempo para explorar os pêssegos mas, pelo que vejo, o Carlos é um caso de sucesso... tem imensas visitas e comentários pelo menos ;-)não sei se todos pertinentes e interessantes.... mas pronto! não se pode ter tudo!
gostei particularmente do clipe audio, boa qualidade de som, técnica apurada no discurso para chamar a atenção... Como não tenho muito tempo agora para explorar o código fonte da sua página.... não quer dar-me umas dicas sobre a inserção do clipe?
Agradeço-lhe desde já em nome da boa vizinhança, virtual e real (pois, pelos vistos também está aqui pelas Caparicas).
Bom fim de semana!

Prof. Teresa disse...

tive que voltar para dizer que aquela coisa do "estás a ser observado" é uma delicia. Não conhecia. Acho muito bem sim senhor, é bom que a malta saiba que "eles andam aí!"....lol